14/09/2020 Salvador26°C

Como aproveitar o feriadão de 7 de setembro em Salvador?

Com final de semana prolongado devido ao feriado na sexta-feira, a programação sugere o desfile cívico, exposições, teatro, parques, shows e muito mais

O feriado dia da independência do Brasil, que cai numa sexta-feira esse ano, contribui para que o final de semana seja estendido e as pessoas aproveitem ainda mais a capital. Se liga nas dicas:

1- Desfile Cívico – 7 de setembro

Fanfarra em 2016. Foto: Maiana Belo/G1

O tradicional desfile de 7 de setembro ocorre no Campo Grande com a presença de militares, escolas e outros órgãos.

2- Assistir ao espetáculo “R$1,99” com Ricardo Castro

Foto: Waldson Alves/Divulgação

Com muito humor, “R$1,99” traz à tona a discussão sobre o valor da arte e a situação financeira do país. Durante o espetáculo, Ricardo Castro faz o público rir, mas também pensar e avaliar o papel da arte. Os ingressos custam R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia).
Sexta (7) e sábado (8), as 20h no Teatro Molière (Avenida Sete de Setembro, 401 – Barra).

3- Ir aos parques 

Foto: Isane Farias (Parque de Pituaçu)

Os parques sempre serão uma boa pedida para ir em família ou sozinho. Fazer um pique-nique, curtir a natureza, caminhar, pedalar e etc. Clique aqui e leia matéria com 6 opções de parques na cidade.

4- Visitar a exposição gratuita ” O Tempo dos Sonhos: Arte Aborígene Contemporânea da Austrália

Foto: Reprodução

Os artistas aborígenes pintam os seus sonhos (mas não a ideia Junguiana de sonhar e sua associação com o inconsciente). Para eles, pintar o seu “sonhar” implica recontar histórias que são atemporais a fim de mantê-las vivas e repassá-las a futuras gerações. Essas pinturas contêm informações vitais, como, por exemplo, onde encontrar “água viva” permanente.
Exposição gratuita até 30 de setembro na Caixa Cultural, localizada na Rua Carlos Gomes, Centro.

5- Visitar a Casa do Carnaval

Foto: Bruno Concha/Prefeitura de Salvador

Localizada no Centro Histórico, entre o Terreiro de Jesus e a Praça da Sé, ao lado do Plano Inclinado Gonçalves, estará aberta durante todo o período normalmente. O museu possui maquetes, roupas e instrumentos emprestados por artistas da festa, fotos e documentos históricos, além de dois cinemas onde os visitantes poderão aprender ritmos da festa caracterizados e com a ajuda de monitores.

6- Ir curtir um pagodão com Psirico, La Fúria e Hiago Danadinho…

7- Ou curtir um Ensaio do Olodum no Pelourinho

Foto: Magali Moraes/ Divulgação

O show será realizado na Praça Tereza Batista, das 14h às 18h. O ingresso custa R$ 50 e será vendido na Casa do Olodum e no local do evento.

 

Carlos Sena

Sou Soteropolitano, Relações Públicas de formação, Político de opinião, Cervejeiro apaixonado por futebol e Pimenteiro como bom Baiano.


Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

14 + 2 =


Sobre o Nosso Auê

Somos um novo portal que tem como objetivo compartilhar a cidade de Salvador, mostrar novos lugares, desbravar inúmeros cantinhos e sobretudo, conectar histórias! A vida lá fora é mágica e nós vamos desfrutar a nossa cidade junto com você, vamos fazer o Nosso Auê!


WhatsApp: (71) 98836-3724

contato@nossoaue.com

Rua Fernando José Guimarães Rocha, 35, Imbuí. Salvador – Bahia

© Copyright Nosso Auê 2020. Todos os direitos reservados